Sanofi
Tratar a prisão de ventre com laxantes

HISTÓRIAS PESSOAIS

Se os seus intestinos não funcionam como gostaria, não está sozinho!

É impressionante a quantidade de pessoas que partilham dos mesmos problemas, uma vez que o gelo é quebrado. Quando outros sofredores falam sobre os seus problemas digestivos de uma forma aberta e prática, isto pode ser um grande alívio. Qualquer que seja a sua história, mantenha em mente que está tudo menos sozinho - como pode ser visto com estes exemplos reais.

Eu acho que se sofre de prisão de ventre, nem sempre há uma explicação lógica para isso. Eu sigo uma dieta realmente saudável, ingiro muitos líquidos, faço exercício todos os dias e ainda assim sofro de prisão de ventre regularmente. Algumas pessoas devem simplesmente ter mais tendência para ter prisão de ventre do que outras, independentemente da sua dieta ou estilo de vida. Fico frustrada porque me faz reconsiderar o que visto. Parece estranho, mas quando vou à casa de banho e me sinto melhor, penso logo que tenho melhor aparência. Detesto quando me sinto inchada, pois impede-me de usar roupas mais justas. Descobri que ajuda falar com as minhas amigas sobre isso, às vezes. É surpreendente a quantidade de mulheres que sofre de prisão de ventre, uma vez que começas a falar disso.
Uma das coisas mais difíceis de ter SCI é que os sintomas mudam frequentemente e são muito difíceis de prever. Isto pode tornar o teu dia-a-dia muito complicado. Os meus sintomas podem variar entre dor de barriga, inchaço, diarreia e prisão de ventre. Ao falar com as minhas amigas, é surpreendente a quantidade de mulheres que têm os mesmos problemas que tu, assim que quebras o gelo e começas a falar disso. Percebi que a minha prisão de ventre é pior quando estou stressada ou ansiosa com alguma coisa, por isso é bom ter alguem com quem falar e partilhar os problemas.
Para mim é fácil falar sobre prisão de ventre com as minhas amigas porque sejamos honestas, todas sofremos de prisão de ventre de tempos a tempos. Eu acho que é bom partilhar informação com amigas porque posso confiar nelas, ao passo que não se pode confiar em tudo o que se lê na internet. Eu costumava sofrer de prisão de ventre antes de alterar a minha dieta... Há um par de anos, não estava feliz com o meu peso, pelo que tentei cortar em algumas coisas, como batatas fritas e chocolate. Descobri que comer mais fruta e beber um pouco mais de água tem mesmo ajudado com a minha prisão de ventre. No entanto, ainda tenho prisão de ventre de vez em quando.
Eu fico com prisão de ventre quando estou mais stressada. No trabalho perguntam-me frequentemente se estou bem, mas sou simplesmente assim. Sou uma pilha de nervos, o que não ajuda quando não vou à casa de banho há algum tempo, pois fico stressada por causa disso, o que torna ainda mais difícil ir. É como um ciclo vicioso. Prefiro tentar e aranjar alguma informação sobre isso na internet antes de ir ao médico, acho embaraçoso. É realmente uma palermice, se pensar sobre isso, pois os médicos vêem pacientes com prisão de ventre regularmente.
SE ACHA QUE SOFRE DE SÍNDROME DO CÓLON IRRITÁVEL, CONSULTE O SEU MÉDICO. O SCI é uma condição bastante comum e o seu médico verá casos como o seu semanalmente, por isso aconselhe-se junto do seu médico se tiver algum dos sintomas mencionados no website.
Seguir uma dieta equilibrada e um estilo de vida mais saudável pode ajudar com a prisão de ventre, por isso tente e veja o que funciona melhor para si.

Caso ainda tenha questões que queira ver esclarecidas também pode visitar a página dulcolax.pt ou entrar em contacto com a redação de alivioprisaodeventre.pt.

Está prestes a sair do website Alivioprisaodeventre. Ao clicar no botão ”Ok” será direcionado para outro website onde os termos e condições podem ser diferentes das do website Alivioprisaodeventre. Deseja continuar?